Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Douta Ignorância

Política, Economia, Literatura, Ciência, Actualidade

A Douta Ignorância

Política, Economia, Literatura, Ciência, Actualidade

Era a conta, se faz favor

Tiago Moreira Ramalho, 27.11.10

Se é certo que o senhor Ricardo tinha ascendência portuguesa, não é menos verdade que os portugueses que vieram à frente não tinham nem têm uma fracção da sua racionalidade. Segundo um estudo europeu – e, leitor, nós temos uma certa desconfiança quanto a estes estudos, mas a verdade é que este confirma uma tendência que todos os nossos dias nos obrigam a ver – os portugueses não querem abdicar do Estado Social, mas, ao mesmo tempo, são o povo europeu que tem menos vontade de o pagar.  É fenomenal, leitor, mas gostamos de borlas, como se elas existissem.

O que nos trouxe aqui não é difícil de identificar. Uma constante lavagem cerebral por parte de uma certa elite política, nem toda de esquerda, que dissocia a despesa pública da cobrança de impostos. Para uma certa elite política, as duas variáveis são completamente independentes e uma não tem de atender à outra. Além desta, há ainda uma outra constante lavagem cerebral por parte de uma elite política que, em larga medida, coincide com a anterior, segundo a qual são aqueles que não precisam do Estado Social que o têm de pagar, ficando os beneficiários no conforto de quem recebe sem sequer perceber de onde.

O facto é que, continuando assim, e até porque as nossas vidinhas não são infinitas, como seria tão bom (ou tão mau), alguém, algum dia, terá de pagar. Se nós, por força das circunstâncias, se os nossos filhos ou netos, é a única incógnita. O resultado mostrará quanta ética ainda nos resta.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.