Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Douta Ignorância

Política, Economia, Literatura, Ciência, Actualidade

A Douta Ignorância

Política, Economia, Literatura, Ciência, Actualidade

Questão sincera

Priscila Rêgo, 11.05.11

Gerou-se um consenso súbito em torno da necessidade de reduzir as margens de lucro do sector não transaccionável (SNT). Mas, se o SNT é demasiado rentável, no sentido de extrair rendas económicas do resto da economia, a solução para a maleita seria, em princípio, facilitar a entrada de empresas no SNT, aumentando a concorrência e esmagando as margens de lucro. Acontece que toda a gente está a falar precisamente no contrário: retirar recursos ao SNT e canalizá-los para o ST. Diminuir a concorrência num sector oligopolista e aumentá-la num sector que já é price-taker. Alguém me ajuda com isto?

2 comentários

  • Sem imagem de perfil

    PR 12.05.2011

    Ok, a formulação não foi a mais feliz.

    Habitualmente, diz-se que grande parte do investimento privado (FBCF) é feito no SNT. Normalmente, em tom de crítica. Eu acho que isto é normal, e até desejável, se de facto a rentabilidade do SNT for superior à do ST.
  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.