Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Douta Ignorância

Política, Economia, Literatura, Ciência, Actualidade

A Douta Ignorância

Política, Economia, Literatura, Ciência, Actualidade

Leituras

Tiago Moreira Ramalho, 11.04.10

«Leio uma longa e aborrecida "reportagem" na revista Pública acerca de, sic, "como é ser gay e católico em Portugal". Não sou adepto da martirologia, seja ela de carácter religioso, sexual ou outra. Ora este título - e todo o arrazoado que o justifica - é, salvo em dois ou três intervalos de lucidez dos intervenientes, de pura natureza martirológica. E não no sentido veiculado pelos entrevistados. a saber, o de que a Igreja não "facilita" ser gay e católico. Sucede que a Igreja não tem de "facilitar" nada. Há milhões de católicos que são muitas coisas para além de católicos. Por exemplo, e como na peça aparece o padre e poeta Tolentino Mendonça - curiosamente pelo "lado" da Igreja -, há casos conhecidos de poetas que eram católicos (Sophia, Cinatti ou Eliot) mas que não eram poetas católicos como, julgo, Tolentino é até porque acumula com o ser padre. O "coitadismo" exibicionista revelado neste texto da Pública não ajuda nem a fé nem as opções íntimas de cada um. Muito menos este disparate "corrrecto" e puramente politiqueiro de Frederico Lourenço: «Terá de vir um papa muito mais aberto. Este parece-me uma figura anacrónica, que leva a Igreja para o passado ainda mais que João Paulo II. Grande teólogo, não duvido, inteligentíssimo, mas está a fazer tudo para que a Igreja não se aproxime do futuro.» Há homossexuais que são católicos o que não é o mesmo que criar na Igreja uma "tendência" homossexual para que aqueles se sintam confortáveis. Não compete à Igreja "adaptar-se" a qualquer "tendência" dos seus fiéis mas, antes, aos seus fiéis viverem a sua fé com a Igreja que existe e onde, desde que foi erguida a partir da famosa pedra indicada por Jesus a Pedro, elas sempre existiram. E, creiam-me, meço bem as palavras.»

 

Do João Gonçalves. Chapeau!

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.