Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A Douta Ignorância

Política, Economia, Literatura, Ciência, Actualidade

A Douta Ignorância

Política, Economia, Literatura, Ciência, Actualidade

Isto não é um jogo de computador

Tiago Moreira Ramalho, 27.04.10

É, ou pelo menos deveria ser, chocante ver que, frente ao abismo que é termos 25% de probabilidade de falência enquanto Estado, as governantas da pátria continuam, em vez de dizer abertamente aos portugueses o que é preciso sem meias-palavras, a fazer os seus joguinhos. José Sócrates, que mete uma moedinha todos os dias ao seu santinho das crises internacionais que lhe valeu uma saída à inglesa das embrulhadas em que anda metido, nem aparece. Teixeira dos Santos, pensando-se político, tenta envolver os outros partidos em algo que é estruturalmente um problema dele e das suas decisões.

O caso é de simples compreensão: ou bem que as excelências que marcam os assentos de S. Bento com os doutos rabiosques tratam de assumir de uma vez por todas que estamos mesmo muito mal, ou corremos o sério risco de entrar em equilíbrio das Contas Públicas à força. E aí, bem que podem os camionistas, os maquinistas e os vendedores de bicicletas fazer as greves que quiserem que não haverá nada para ninguém.