Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Douta Ignorância

Política, Economia, Literatura, Ciência, Actualidade

A Douta Ignorância

Política, Economia, Literatura, Ciência, Actualidade

Lembrar moderadamente

Rui Passos Rocha, 20.07.12

Morreu um historiador fascista que teve o mérito de conseguir gerar em muita gente o interesse pela história do país e o demérito de o fazer efabulando. Que é melhor não saber do que saber falsidades, como alguém disse, concordo; mas que seja melhor não saber do que saber meias verdades discordo. Hermano Saraiva contou historinhas e pode ter ajudado a fazer muitos nacionalistas de livro fechado, mas também cozinhou em muitos o interesse por procurar saber mais. Isto não é serviço público, mas é qualquer coisa. O que não é nada é lembrá-lo só pelo que foi depois ou antes dos cravos. Fora isto, eu e as minhas amêndoas de caju estamos à espera dos textos de Rui Ramos e Fernando Rosas sobre o senhor. Só para ver se este continua a ser o melhor dos mundos.

3 comentários

  • Sem imagem de perfil

    RPR 23.07.2012

    Quanto ao historiador discordo: Hermano Saraiva publicou livros de divulgação da História de Portugal, um deles livro de bolso, o outro enciclopédico. Se isto não é ser historiador, o que é?

    Quanto ao fascista, usei o termo no sentido simplificador com que muitos agregam o nazismo, o fascismo italiano e os regimes militares grego e espanhol. Dizer, nesse sentido, que Hermano Saraiva não era fascista - pelo menos quando governou - será o mesmo que dizer que um ministro de um regime comunista não é comunista. A probabilidade é bem pequena, por se tratar de regimes extremistas. O episódio de Coimbra em 1969 é significativo. Claro que seria mais significativo se ele tivesse dito "eu sou fascista", ou "eu sou salazarista", mas não me parece que isso aconteça muito.
  • Sem imagem de perfil

    Sergio Pinto 23.07.2012

    Por acaso, numa (a ultima?) entrevista que deu ao Expresso, e que voltou a surgir na altura da sua morte, ele afirmou-se abertamente como salazarista. Alem de achar que nao havia propriamente falta de liberdade no Estado Novo.
  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.