Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Douta Ignorância

Política, Economia, Literatura, Ciência, Actualidade

A Douta Ignorância

Política, Economia, Literatura, Ciência, Actualidade

Re: Função Pública, ADSE...

Priscila Rêgo, 29.07.10

Henrique, penso que podemos dispensar o "cara" e o tratamento por "você". Isto é um blogue, homem.

 

Quanto à minha crítica, penso que não foi bem percebida. Eu não comparei a ADSE a um seguro de saúde privado: fiz uma analogia para tentar clarificar uma questão. E a questão é que a ADSE não é, em si mesma, uma vantagem ilegítima dos funcionários públicos. Todos os contratos de trabalho implicam uma compensação para o trabalhador. A ADSE é só uma parte do bolo. 

 

Saber se o bolo é justo ou não implica compará-lo na sua totalidade com o que é dado em troca (produtividade, neste caso). E ao colocá-lo nos pratos na balança convém levar todos os ingredientes em conta: remunerações, possibilidades de progressão, actualizações salariais, etc. O que não faz sentido é pesar as coisas 'aos bochechos' e compará-las à medida das conveniências.

 

Esta era a crítica à essência. No que diz respeito ao tom, dou-me por satisfeita com o mea culpa. Mas não percebo o desprezo pelo "Excel místico". Eu escrevo por prazer, sem preocupação em converter ninguém, quando posto acerca de naturalismo, religião ou livre arbítrio. Mas em assuntos verdadeiramente importantes espero que as minhas palavras sejam minimamente ouvidas, e por isso tenho algum cuidado em não ostracizar a audiência. Não é uma questão de fazer doutrina. É só que há coisas que demasiado sérias para serem levadas na desportiva.  

 

Dois beijinhos da Priscila.

 

P.S.- Não percebi bem a coisa do cinema australiano...

24 comentários

Comentar post